Vamos FofOscar...

E mais um ano de Oscar chega e mais uma noite de premiação (cada vez mais decadente) se aproxima. Dados os indicados nessa Terça-feira, dia 25 de Janeiro de 2011, as coisas se repetem e assim as reclamações de nós cinéfilos também continuam as mesmas e acabamos por estarmos submetidos demais as ladainhas que o festival apresenta..Não percam noites de sono, nem chorem, nem dão socos na mesa, nem puxem seus cabelos (aos que tiverem) ou algo do tipo. Não é o Oscar que tem que aprender a ser no mínimo decente, mas sim nós a aceitarmos que ele nunca será justo.

Mas, é uma época de plena diversão para nós, é ou não é verdade?! Reclamamos de tudo, mas estaremos atentos a todas as noticias até chegar o dia e ficarmos até tarde para no outro acordar cedo indignado com alguma premiação que não nos agradou.

E com isso separo pequenos comentários, nada muito cientifico e nem muito pessoal também, mas apenas algumas observações sem muito a acrescentar.


Vamos começar pela boa noticia que muitos nem deram tanta atenção que foi a indicação do Documentário brasileiro “Lixo Extraordinário”, dirigido por Karen Harley, João Jardim e Lucy Walker, tendo no elenco Vik Muniz. O documentário tem como sinopse a Trajetória do lixo dispensado transformado em arte pelo artista plástico Vik Muniz. Junto com "Gasland" é o mais comentado até então.

Nas indicações de Melhor Maquiagem apresenta “A Minha versão do Amor” com Adrien Morot ( Que trabalhou em “300” e “Fonte da Vida”) a frente e o trio que esteve em “Mestre dos Mares” Edouard F. Henriques, Gregory Funk e Yolanda Toussieng representando “The Way Back”. Esses são filmes ao qual não tive acesso ainda, ao contrário de “O Lobisomen” que creio que fica por fora, mesmo assim.

Em Melhor Figurino temos o silencioso “A Tempestade” com a presença da vitoriosa Sandy Powell que venceu ano passado por “A Jovem Rainha Vitória”, além de ser uma das profissionais preferidas do Scorcese que a fez levar o Oscar por “O Aviador” (Alem de ter trabalhado em “Os Infiltrados” e “Ilha do Medo” também), o primeiro prêmio dela foi em 1998 por ter levado com “Shakespeare Apaixonado”, portanto é uma boa ameaça para os grandes que ali estão como “O Discurso do Rei” (Minha aposta), “Bravura Indomita” e “Alice no pais das Maravilhas”. O outro concorrente“I am Love” que representou a Italia no Globo de Ouro, assim como no BAFTA e não deve ser esnobado. Surpresas podem ocorrer nessa categoria.

Em “Melhor Filme estrangeiro” eis a surpresa de “Dente Canino” (Dogtooh/Kynodontas) da Grécia, justamente por ser um longa totalmente fora do estilo do festival. Como é uma categoria em que o favorito nas ultimas três edições não levou o prêmio, não é de se descartar a hipótese dessa surpresa aumentar e o filme levar a estatueta para seu país. Mas, o mexicano “Biutiful” e o dinamarquês “Em um mundo melhor” teoricamente estão a frente, seguindos do canadense “Incendies” e o “Fora da Lei” da Argélia que, mesmo que criticado em alguns festivais, teve forças para chegar até os cinco finalistas.

Em "Melhor Animação" não tem muito o que contestar. Felizmente "O Mágico" está concorrendo e a farsa "Meu Malvado Favorito" nem deu as caras.

Agora vamos nas rapidinhas para o lado mais controverso do Oscar e as piadas de mau gosto que insistem fazer:

> Em "Melhor Trilha sonora" não gosto muito da indicação de "127 Horas" que, mesmo que por si só seja boa, narrativamente não possuia coerência, algo totalmente contrário visto em "Ilha do Medo" que, ao meu ver, merecia estar no lugar do filme do Boyle nessa disputa.

> Na categoria de "Melhor Montagem" eis a bomba da ausência de "A Origem" do Nolan que dentre todos os indicados é a melhor. Não gosto da montagem videoclipeira de "127 Horas" e nas demais não vi nada alem do normal. Dentre elas fico com a de "A rede social".

> Na Categoria de "Melhor Ator" acho que DiCaprio merecia uma vaga por dois excelentes trabalhos em "Ilha do medo" e "A Origem". Para isso tiraria o James Franco, mas com um grande aperto no coração. O mesmo sentiria se tivesse que tirar Jesse Eisenberg ou Jeff Bridges. Ja que incontestavelmente Colin merece o premio. (Não falo de Bardem por não ter assistido "Biutiful")

> Para Melhor Atriz não tenho o que questionar. E espero que o favoritismo de Portman se confirme.

> Em "Melhor Ator Coadjuvante" acho que houve uma limitação por parte da academia. Eles tinham como avaliar mais papéis em "Bravura Indomita", "Ilha do medo" e "A Origem", por exemplo, e com isso acho uma categoria fraca por conter atuações de nivel mediano demais, como John Hawkes por "Inverno da Alma", Mark Ruffalo por "Minhas mães e meu Pai" (Se fosse ao menos por "Ilha do Medo", né) e o pior de tudo é a presença de Jeremy Renner pelo razoável "Atração Perigosa".

> Uma categoria pouco vista por mim é a de "Melhor Atriz Coadjuvante" , onde conheço o trabalho apenas da Helena Bonham por "Discurso do Rei" e Hailee Steinfeld por "Bravura Indomita", ambas excelentes e dignas do troféu, mas nem se quer lembraram de Emily Mortiner que interpretou a louca Rachel Solando em "Ilha do Medo" que, para mim, é a melhor atuação coadjuvante do ano disparada.

> Outro grande fiasco que marca esse ano é a ausência de Christopher Nolan na disputa por "Melhor direção" por "A Origem". Algo que realmente não esperávamos que a academia iria repetir seria a covardia vista em 2009 em que seu filme "O cavaleiro das Trevas" e ele não concorreram nas principais categorias. O complicado é ver David O. Russell de "O Vencedor" fazendo pose pra foto com um filme nitidamente mais fácil de dirigir. E é ai que talvez é de se reparar quem ta no lugar errado, se são os Coen ( que surpreenderam) por "Bravura indomita" ou David.

> Enfim, a categoria de "Melhor Filme" não apresenta grandes surpresas, mas é de se questionar se realmente "127 horas", "Inverno da Alma" ,"Minhas Mães e Meu Pai" e até mesmo "O Lutador" entrariam tão tranquilamente, enquanto "O Escritor Fantasma" e "Ilha do Medo" não são lembrados. No mais, filmes que realmente deveriam estar, completam a lista. Se a disputa ainda fosse de cinco, deixaria "Cisne Negro", "Toy Story 3", "A Origem" , "A Rede Social" e "O Discurso do Rei". Provavel vitória do filme do Fincher, mas torço para "Cisne Negro".







10 Response to "Vamos FofOscar..."

  1. Fiquei com muita raiva por terem esnobado "A Origem" em direção e montagem. Por outro estou felicíssimo em ver Nicole Kidman (minha atriz favorita) na disputa novamente.

    As chateações vem, mas assino embaixo seu comentário que este é um período de muita diversão para os cinéfilos. Mesmo que continue cometendo erros gravíssimos, o Oscar terá minha atenção até o último dia da minha vida.

    Abraços

    OBS.: Por que não comentou Melhor Atriz?

    BRENNO, acho um ano fraco para os premios de melhor ator e atriz, em qualquer das categorias relacionadas a eles. E não comentei sobre melhor atriz por nao ter o q falar, realmente.. hehe', mas avisei ali. valeu! Abraço!

    Weiner says:

    O que eu achei dos indicados... Bem, deixa pensar. Previsíveis, quase todos. Os que me surpreenderam foram quase todos negativamente. Odiei ver os Coen dando as caras e chutando o Nolan pra fora da disputa, acredito que Michelle Williams não podia ser indicada sem Gosling, senti muita falta de Garfield, detestei o velhote do Bridges roubar a vaga do Dicaprio... O que gostei? Portman, Cisne Negro (faltou roteiro), Aronofski... Enfim... Acho que passei mais é raiva, viu?

    Aparentemente sim! auhauha'
    Ainda acho que quem tomou o lugar de Nola foi o David com o aparentemente comum "O Vencedor". Abraços!

    Kamila says:

    Ótimos comentários! Sua introdução, aliás, está PERFEITA! não adianta a gente reclamar. A gente tem mesmo que a aceitar a AMPAS do jeito que ela é. E isso é difícil, às vezes... O Oscar é um prêmio muito injusto, às vezes.

    No geral, gostei das indicações e da seleção. Só achei mesmo absurdo Nolan, Garfield, 'Ilha do Medo' e, claro, DiCaorio sem indicações!

    'Ilha do Medo' não tinha nada de ser esquecido assim, eu acho um grande absurdo, na verdade...

    E "Inverno da alma" vale mesmo pelas atuações, porque acho o filme bem fraco...mas, a atuação de Jennifer Lawrence é excepcional!

    Abraço

    Também não sou grande entusiasta da trilha de A.R. Rahman para "127 Horas". Substituiria-a facinho pelo fabuloso score do DAft Punk para "TRON" ou outro Desplat por "O Escritor Fantasma".

    mas poxa, Mark Ruffalo arrasa! =D
    John Hawkes tbm, só acho que Renner fica sobrando ali. Para levar melhor filme, torço muito para "Toy Story 3", mas o filme de Fincher vem logo na sequência e seria mto merecido se conseguisse a consagração. Ainda não vi "Bravura Indômita", mas "O Discurso do Rei" nãããão pode levar! haha.

    Meus comentários da premiação não se diferem muito dos seus o/\o rs.
    mas vou fazer oficialmente às vésperas da premiação, quando tiver assistido a todos os indicados e ter mais autonomia para falar. Mas, fato, a esnobada de Nolan em Direção e Lee Smith em Edição, hahaha, entra para os anais da história como um grande embaraço para a Academia. Lamentável!


    abs!

    KAMILA, e num é?! Não adianta. O Oscar é politica e isso não sempre estivemos submissos. hehe'

    CRISTIANO, Ufa! Até que enfim encontrei alguem que acha Inverno da Almaum filme fraco.

    ELTON, pra variar, né?! rs! Eu torço pra Cisne Negro, cara.
    E por mim "Discurso do Rei" levaria apenas por Colin. E Nolan é sempre vitima das piadas do Oscar, num tem jeito. Abraço!

    Se nesse Oscar reconhecerem os trabalhos do Christian Bale e da Natalie Portman, passo a ver o prêmio com olhos menos preconceituosos. Mas acho difícil: eles querem dar um Oscar de Consolação para Annete Benning e o Bale não é bem quisto pela academia. Outro prêmio que eu certamente contestarei é o de melhor animação para Toy Story. Esse ano foi de O Mágico. Fala sério! Ele recriou o universo do Jacques Tati.

    Cultura na web:
    http://culturaexmachina.blogspot.com

    PSEUDO, ainda não tive a oportunidade de ver "O Magico", mas para superar Toy Story 3 como muitos vem falando deve ser um grande filme. Tenho MUITO medo da Portman perder pra qualquer uma. Muita injustiça.

    Abraço!

Powered by Blogger